Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

Zilá faz um apelo aos professores para que voltem às aulas

Foto: Marcelo Bertan - deputada Zilá Breitenbach Foto: Marcelo Bertan - deputada Zilá Breitenbach

A líder do PSDB na Assembleia Legislativa, deputada Zilá Breitenbach, questionou itens da pauta de reivindicações do Cpers Sindicato, nesta terça-feira (7), durante espaço de liderança do partido na sessão plenária. A parlamentar tucana considerou legítima a mobilização dos professores, em razão do parcelamento de salários, mas defendeu a retomada das aulas na rede pública estadual de ensino. Zilá enfatizou que na condição de parlamentar está procurando fazer a sua parte nas discussões e se colocando à disposição para votar projetos que auxiliem o governo do Estado na superação da crise financeira.

A deputada lamentou a falta de compromisso do sindicato dos professores na defesa de ações que influenciam diretamente na qualidade do ensino. “Vejo entre as pautas do Cpers uma nota de solidariedade à Federação Anarquista Gaúcha, a participação em atos do sindicato dos municipários de Porto Alegre, a reestruturação do IPE e a realização de aulas cidadãs contra todas as reformas que atingem os trabalhadores. Diante disso eu pergunto: e os alunos e a qualidade da educação onde estão?”, questionou.

A parlamentar apresentou um documento contendo reivindicações que, segundo ela, não continha nenhuma proposta contemplando os interesses dos alunos. Zilá perguntou, ainda, como ficariam os jovens que corriam o risco de perder a oportunidade de participar de provas seletivas em razão da conclusão do nível médio. “Antes de levar adiante uma greve, os professores precisam refletir mais sobre os efeitos da paralisação dos trabalhos na vida dos estudantes”, salientou.

Luís Gustavo Machado - MTE 15280 |

Mais notícias