Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

Técnicos participam de capacitação em piscicultura e controle biológico de pragas em Seberi

Atividade reuniu técnicos da Emater/RS-Ascar de 37 municípios da região do Médio Alto Uruguai e Rio da Várzea Atividade reuniu técnicos da Emater/RS-Ascar de 37 municípios da região do Médio Alto Uruguai e Rio da Várzea

Técnicos da Emater/RS-Ascar de 37 municípios da região do Médio Alto Uruguai e Rio da Várzea participaram, na manhã de ontem (13/01), de uma capacitação sobre controle biológico de pragas da soja, milho e pastagens. O encontro aconteceu no Vale das Águas, interior de Seberi. O objetivo da capacitação foi apresentar alternativas de controle de pragas dessas culturas, através de métodos que não agridem o meio ambiente e não prejudicam a saúde do agricultor ou do consumidor. O engenheiro agrônomo e assistente técnico regional da Emater/RS-Ascar em Recursos Naturais, Carlos Roberto Olczevski, falou sobre o controle de pragas, com enfoque na Bacillus Thuringiensis, bactéria de solo que produz proteínas com efeito inseticida. Outra possibilidade abordada pelo agrônomo foi a Trichogramma Spp, vespinha utilizada para controle das lavouras de milho, soja e feijão. Em agosto do ano passado, a Emater/RS-Ascar inaugurou a primeira biofábrica para produção das vespas Trichogramma Spp. Essa tecnologia está sendo desenvolvida e aplicada no Rio Grande do Sul, numa parceria entre Emater/RS-Ascar e Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG). Ainda pela manhã, Carlos falou sobre o controle biológico das pastagens. “Devido ao desenvolvimento da atividade leiteira na região e, consequentemente, ao aumento das áreas de pastagens, corre-se o risco do aumento de pragas, por isso, esta é uma ação preventiva”, explicou. Aproveitando a ocasião e a presença dos técnicos da Emater/RS-Ascar, na parte da tarde foi realizada uma capacitação de piscicultura, organizada em parceria com a Prefeitura e Associação dos Produtores de Alevinos de Seberi. Também foi abrodado o manejo técnico e nutricional de tilápias. “Essa é a continuação do trabalho iniciado ano passado, com técnicos e agricultores, que participaram de inúmeras capacitações para criação de peixes em toda a região”, comentou Carlos, contando que outras capacitações serão realizadas ainda nesse ano para fomentar a piscicultura na região. (Assessoria de Imprensa Emater/RS-Ascar – Regional de Frederico Westphalen) Lucas Faustino

Mais notícias