Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

Sicredi participa da Feira em Campo, promovida pela Cotrifred, em FW

Cooperação e compromisso com o agronegócio
Foto: Divulgação Sicredi Foto: Divulgação Sicredi

Apoiando o desenvolvimento da agricultura familiar desde a sua fundação, a Sicredi Alto Uruguai RS/SC/MG demonstrou mais uma vez sua preocupação com o desenvolvimento do setor e foi parceira da 1ª edição da Feira em Campo, realizada pela Cotrifred, às margens da ERS-150, em Frederico Westphalen, entre os dias 12 e 14 de dezembro.

A Sicredi esteve participando do evento com seu estande, recebendo grande número de pessoas que foram visitar a exposição. Durante a programação, a cooperativa ofereceu condições diferenciadas, incluindo linhas de crédito próprias e também linhas do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), com foco em viabilizar bons negócios aos associados.

– Tivemos uma feira com máquinas, insumos, com muitas tecnologias novas sendo apresentadas e para tudo isso o Sicredi, que tem no seu DNA a missão de agregar renda e desenvolver as atividades dos nossos associados, esteve apoiando todas estas iniciativas com linhas de crédito e recursos – explicou o Diretor de Negócios da Sicredi Alto Uruguai RS/SC/MG, André Zanon.

Participações paralelas

Além de ter seu estande no evento, a Sicredi esteve presente e apoiou várias iniciativas realizadas durante a programação. Uma delas, foi no dia 13, no salão do bairro Fátima, onde aconteceu o encerramento do projeto “Meu Tambo, Meu Futuro”, promovido pela Cotrifred e desenvolvido entre 2018 e 2019, nos oito municípios de abrangência das duas cooperativas – FW, Caiçara, Pinheirinho do Vale, Vista Alegre, Palmitinho, Taquaruçu do Sul, Iraí e Vicente Dutra. A Sicredi apoia financeiramente o projeto, através do Fundo do Desenvolvimento Regional. Na iniciativa, foram envolvidos mais de 120 produtores de leite, que somaram resultados positivos através da iniciativa, como o agricultor, Vagner Carlos Negrini, morador da linha Braguinha, em Vista Alegre. “Depois que começamos a participar deste projeto, por meio do acompanhamento técnico, aderimos a várias práticas que agregaram muito ao nosso conhecimento. Nos organizamos melhor, temos controle financeiro de entradas e saídas, conseguimos ter mais aproveitamento das pastagens, melhorar a qualidade do leite, ampliar a produtividade – alcançando dois litros a mais por vaca/dia –, consequentemente também a lucratividade. Estamos muito felizes com os avanços que conquistamos através do projeto e temos o propósito de evoluirmos ainda mais”, afirmou Negrini.

Ainda voltado à produção leiteira, na tarde de sexta-feira, 13, aconteceu o 1º Seminário Regional do Leite, apoiado pela Sicredi Alto Uruguai RS/SC/MG. Os produtores ampliaram seus conhecimentos com relação a novas tecnologias, e receberam outras informações que podem contribuir com a ampliação da produtividade e lucratividade.

Culminando a participação nos eventos internos da feira, no sábado, 14, pela manhã, a cooperativa realizou, em parceria com o Sesc, uma atividade voltada aos idosos, que contemplou a palestra “Vida saudável na terceira idade. Quantos anos você quer viver?”, ministrada pela especialista em Naturopatia Clínica e Científica, Marta Chielle Ruani.

( Fonte: Sicredi)

Galeria de imagens
Mais notícias