Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

RS já tem gasolina à venda por menos de R$ 4

Ainda sem o repasse do corte de 15% feito pela Petrobras no preço da refinaria nesta quarta
Foto: Ronaldo Bernardi Foto: Ronaldo Bernardi

Depois de bastante tempo, a coluna teve notícia de gasolina sendo vendida, já na bomba, por menos de R$ 4 no Rio Grande do Sul. É o caso de uma rede de postos do interior do Estado, bastante conhecida por praticar preços inferiores à média do mercado. Com operações em municípios como Erechim e Carazinho, a Boa Vista está anunciando gasolina a R$ 3,79 em alguns locais, mas podendo chegar a R$ 3,59 conforme o meio de pagamento e outras condições de fidelidade. Em outra oportunidade, a direção contou para a coluna que opera os postos em conjunto com os supermercados que possui. Nesses casos, preços atrativos no combustível costumam ser estratégia para atrair clientela.

Em Porto Alegre, a pesquisa da Agência Nacional do Petróleo (ANP) encontrou a gasolina comum a R$ 4,19 na semana passada. Foi o valor mais baixo do levantamento estadual, tendo o preço mais alto em Bagé: R$ 5,38. Leitores avisam, no entanto, que há postos cobrando R$ 4,09 na Capital e também na Região Metropolitana. 

Nessa quarta-feira (25), a Petrobras reduziu o preço da gasolina nas refinarias em 15%. Aqui na Refinaria Alberto Pasqualini (Refap), o corte chega a 20 centavos. O tombo na cotação do petróleo no mercado internacional desde o início do avanço do coronavírus no mundo abriu espaço para a redução dos preços nas refinarias, onde os valores são definidos pela estatal. A definição de preços é livre nas distribuidoras e também nos postos de combustíveis. A Petrobras também considera o câmbio nos ajustes de preço, mas o dólar tem subido menos do que a queda do petróleo.  

A expectativa é de que os postos de combustível intensifiquem o repasse para uma redução maior de preços ao consumidor. Além disso, a Receita Estadual tem de ajustar - para baixo, é claro - o preço de pauta, que é sobre o qual é calculada a alíquota de 30% do ICMS cobrado na gasolina.   

Mais notícias