Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

Rodeio Bonito: iniciam obras do segundo distrito industrial

Município também dá andamento à parte burocrática visando à abertura da perimetral
FOTO - Fernando Pertuzzati FOTO - Fernando Pertuzzati

Localizado no acesso principal ao município, o novo distrito industrial de Rodeio Bonito começou a receber os primeiros trabalhos que vão garantir a infraestrutura da área, necessária para a instalação das indústrias. O espaço é de 92 mil m2, e foi adquirido pela administração municipal em 2018. Já estão em andamento, as obras de escavação, preparação de área e abertura de acessos.

De acordo com a Administração Municipal de Rodeio Bonito, quatro empresas já estão interessadas em se instalar no local, e uma já está edificando a sua estrutura.  O município conta com galpões financiados pelo Badesul, que serão licitados nas próximas semanas, conforme prevê a legislação municipal. Em alguns meses, já haverá indústrias operando no novo distrito que, pela área, tem capacidade para receber mais empreendimentos.

Para viabilizar o Distrito Industrial 1 foram investidos R$ 550 mil na aquisição da área e a prefeitura ainda prevê alocar cerca de R$ 2 milhões em infraestrutura. Atualmente, já está em operação no município, o Distrito Industrial 1, em terreno de 60 mil m2, contando com 15 empresas, nos segmentos de laticínio, fábrica de transformadores, fábrica de rações, entre outros.

Perimetral

Uma obra que gera expectativa para a região é a da perimetral, que prevê a abertura de um acesso externo à cidade, ligando diretamente a ERS-587 com a Ponte da Integração. O acesso, sobre o rio da Várzea, estreita distância entre Rodeio Bonito e a região de Passo Fundo/Erechim. A via adjacente aliviará o tráfego na área urbana e vai facilitar o deslocamento de máquinas agrícolas e veículos de carga.

– O projeto aspira o futuro. Rodeio Bonito é um micropolo regional e, com a conclusão da Ponte da Integração, a ligação com outras regiões ficou facilitada, aumentando assim o tráfego pesado que passa pela nossa cidade. Com a abertura da via, além de possibilitar esse trajeto alternativo para cargas, estimulará o desenvolvimento da área que ficará no entorno –, destaca o prefeito de Rodeio Bonito, José Arno Ferrari.

Segundo a administração municipal, hoje ocorrem as tratativas burocráticas para viabilizar a perimetral, que envolvem o projeto topográfico, negociação e regularização da documentação das terras. O custo desta primeira etapa gira em torno de R$ 550 mil, recursos do Ministério do Desenvolvimento Regional, com contrapartida do município.

O trajeto prevê um corte nas proximidades do Posto Charrua, em direção à ponte, e tem, aproximadamente, 2,2 Km de extensão.

*Márcia Sarmento, jornalista, Jornal Folha do Noroeste

Mais notícias