FM 95.9 -FM106.5

AM 1160

Rio Grande do Sul vai precisar importar mais milho em 2022

Quantidade estimada pelo Sindicato das Indústrias de Produtos Suínos é de 3,75 milhões de toneladas, 56,25% a mais do que o importado no ano passado
FOTO - Freepik FOTO - Freepik

Levantamento apresentado pelo diretor executivo do Sindicato das Indústrias de Produtos Suínos (Sips), Rogério Kerber, em reunião da Câmara Setorial do Milho da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (SEAPDR), projeta que as importações de milho do Rio Grande do Sul atinjam o volume de 3,75 milhões de toneladas em 2022. O número é 56,25% maior que o volume importado em 2021, de 2,4 milhões de toneladas. Em 2020, foram importadas 2,6 milhões de toneladas do grão. Historicamente, o Estado vem empurrando um déficit de milho que aumentou nos últimos anos em razão das estiagens em sequência e do crescimento da indústria de proteína animal, cuja base de alimentação dos rebanhos é o grão.

Leia a notícia completa no site Folha do Noroeste
Mais notícias