Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

Reforma da Catedral é tema de momento na Câmara de Vereadores

Representantes da comissão de restauração falaram sobre o andamento das obras
FOTOS - Márcia Sarmento - Eder Calegari FOTOS - Márcia Sarmento - Eder Calegari

Dando continuidade ao trabalho de prestação de contas em relação à reforma da Catedral Santo Antônio, os integrantes da comissão de restauração, o pároco, monsenhor Leonir Fainello e o diretor do Complexo Luz e Alegria, Marco Maciel, estiveram na Câmara de Vereadores, nesta terça, 10, detalhando o andamento do trabalho. Para isso, houve a interrupção da sessão ordinária do Legislativo, abrindo espaço para as manifestações, que foram transmitidas pela Rádio Luz e Alegria e nas páginas do complexo, do jornal Folha do Noroeste e da FWTV.

No total, 37 comunidades que integram a paróquia, entre interior, bairros e centro foram visitadas para colaborar com a reforma, envolvendo mais de 4.500 pessoas cadastradas como colaboradoras. Nos últimos dias, representantes da comissão de restauração – que é formada pelo bispo Dom Antonio Carlos Rossi Keller, padres e leigos – retornaram aos locais para explicar como está o andamento das obras e agradecer a participação das comunidades.

A previsão é de que a Catedral seja reinaugurada no final de março ou início de abril de 2020, 60 anos após a sua inauguração (1960).

Reforma

O também integrante da comissão de restauração e diretor do Complexo Luz e Alegria, Marco Maciel, destacou que a aplicação transparente dos recursos destinados à reforma permitiu melhorias no projeto original de intervenção, com acréscimo de placas solares, o que resultará em redução significativa da conta de energia de projetados R$ 6 mil para pouco mais de R$ 100 mensais; sistema inteligente de iluminação para eventos e datas especiais; renovação da estrutura do Cine Floresta e da Cripta; estacionamento com 40 vagas e, inclusive, resgate de elementos históricos nas torres, como os pináculos, que faziam parte da obra original da Igreja.

Está ainda em andamento, projeto paralelo, que poderá ser realizado com autorização do município e investimentos da iniciativa privada, de um calçadão em frente à Catedral, oportunizando local de lazer à comunidade.

*Márcia Sarmento - jornalista - Jornal Folha do Noroeste

Vídeo
Galeria de imagens
Mais notícias