FM 95.9 -FM106.5

AM 1160

O agronegócio como essência do cooperativismo

Sicredi e Cotrifred realizam ações conjuntas, focadas nos associados e no desenvolvimento da região
Foto: Divulgação/Elio Pacheco. Foto: Divulgação/Elio Pacheco.

Gerar desenvolvimento financeiro e social, oferecendo produtos de qualidade, tecnologias atualizadas e atuando em atividades economicamente viáveis, socialmente justas e ambientalmente corretas. Esta é a missão da Cooperativa Tritícola de Frederico Westphalen (Cotrifred), fundada há 62 anos, abrangendo oito municípios – Frederico Westphalen, Taquaruçu do Sul, Vista Alegre, Pinheirinho do Vale, Palmitinho, Caiçara, Vicente Dutra e Iraí, todos no Rio Grande do Sul.

Desde sua fundação, além de atender da melhor forma possível seus associados – que hoje somam 3.890 pessoas – a cooperativa sempre buscou contribuir com o desenvolvimento da região, tendo relevância expressiva em vários projetos. Entre eles, está o trabalho, junto com outras lideranças, para a reabertura do frigorífico de suínos em Frederico Westphalen, em 2001. Conforme o presidente da Cotrifred, Elio Pacheco, isso contribuiu significativamente para o desenvolvimento do setor, tornando a região, atualmente, a maior produtora de suínos do Estado.

– Outra ação com visão de futuro, foi o apoio incondicional da Cotrifred para início das atividades da Credifred, hoje Sicredi Alto Uruguai RS/SC/MG – ambas cooperativas tiveram a mesma origem, a agricultura familiar. Na época, a cooperativa de produção cedeu sala para que a cooperativa de crédito se inicia suas atividades e também fez o pagamento das despesas operacionais dos primeiros anos, apostando nas vantagens que seus associados e toda a região teriam com a abertura do Sicredi. Ver a ascensão da Sicredi Alto Uruguai RS/SC/MG hoje é muito gratificante para nós e nossa torcida é para que cresça cada vez mais – comenta.

Além deste impulsionamento inicial, a Cotrifred desenvolveu várias ações conjuntas com o Sicredi no decorrer dos anos. Entre elas, está o projeto “Meu Tambo, Meu Futuro” – realizado em 2018 e 2019, com a participação de 120 produtores de leite –, focado na evolução da bacia leiteira. O trabalho foi idealizado, pensando em aumentar a produtividade e qualidade do leite para a abertura da Laticínios Cotrifred, que entrou em atividade oficialmente em maio deste ano. “Para nós, isso representa muito na questão da intercooperação, pois o aporte financeiro do Sicredi neste projeto nos ajudou muito e estamos colhendo os frutos, porque estamos conseguindo dar a segurança que os produtores precisam e também receber leite de qualidade para a industrialização. Através da indústria, acreditamos no desenvolvimento, não só de Frederico Westphalen, mas dos municípios envolvidos, porque o valor adicionado gerado na indústria, vai ser distribuído às prefeituras da área de abrangência da cooperativa, de onde vem a matéria-prima. Esse será um incentivo também aos outros municípios a investirem na bacia leiteira e auxiliarem o produtor”, comenta Pacheco.

Além da bacia leiteira, a cooperativa de produção atua em outras frentes, como recebimento e comercialização de grãos, industrialização de produtos, possui supermercados, agropecuárias, carnes e embutidos (abatedouro) e fábrica de rações.

Parceria

Os associados das duas cooperativas se confundem, pois, a maioria deles, é associada da Cotrifred e também do Sicredi. “Entendo que esta confiança dos cooperados, se deve à forma como as cooperativas se fortalecem umas às outras. Então, na medida que as cooperativas, independente da atividade, somam esforços, conseguimos contribuir com o desenvolvimento regional e é isso que buscamos com nossas ações diárias”, assegura Pacheco.

Produtor de leite

Um dos agricultores beneficiado com o Meu Tambo, Meu Futuro, foi Jair Wiechorek, da linha Encruzilhada, em Frederico Westphalen. Com orientação técnica, a família em pouco tempo começou a observar os avanços, com melhoramento das pastagens e dieta dos animais. “Antes da participação no projeto, produzíamos em torno de três mil litros e agora, com os mesmos animais, já alcançamos 10 mil litros por mês. Em pouco tempo, vamos conseguir vender de 12 a 15 mil litros por mês. Para nós, o resultado está excelente”, frisa Wiechorek.

O produtor diz que as duas cooperativas, das quais é associado há décadas, são muito importantes para o desenvolvimento da sua propriedade. “A Cotrifred dá acompanhamento técnico e o Sicredi sempre nos atende, quando precisamos de apoio financeiro para investimentos. Pela ajuda que recebemos e pelo crescimento que estamos alcançando dia a dia, entendo que a agricultura vale a pena, mas precisa de persistência e ter suporte necessário, tanto técnico como financeiro”, finaliza.

Fonte: Sicredi

Mais notícias