Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

Maurício Dal Agnol faz acordo e famílias do MST podem ocupar área

No acordo, Dal Agnol se comprometeu a não cobrar nada pelo uso das terras
RÁDIO UIRAPURU RÁDIO UIRAPURU

O ex-advogado Maurício Dall Agnol entrou em acordo para ceder, por dois anos, uma área de terra de sua propriedade para que famílias do MST sigam no local em Passo Fundo. Essa área está localizada às margens na BR-153, próximo do antigo Haras MD, e foi ocupada pelas famílias ainda em 2014. As terras estavam arrendadas para outra pessoa, que havia movido ação de reintegração de posse. Em 2017 a reintegração de posse foi concedida e desde então o arrendatário pedia o cumprimento da decisão e o despejo das famílias.

As famílias, por sua vez, apresentaram documentos que o INCRA não havia disponibilizado outro local para eles ocuparem. A justiça entendeu que o arrendatário não pode mais seguir com a operação do local e então a 5ª Vara Civil, através da juíza Ana Paula Caimi, chamou Dal Agnol para uma audiência de conciliação, pois ele é ainda o dono.

No acordo, Dal Agnol se comprometeu a não cobrar nada pelo uso das terras por dois anos, mas depois disso as mais de 30 famílias devem deixar o local. Em entrevista na Uirapuru, a juíza Ana Paula Caimi explicou que a área somente não pode ser vendida por Dal Agnol, mas ainda é legalmente dele. Explicou que a posse não foi discutida neste momento, ainda que vários bens dele estejam congelados para futura decisão judicial de indenizo nos processos a que ele responde. Com informações da Rádio Uirapuru.

Mais notícias