Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

Lula, Dirceu e mais 11 presos da Lava Jato podem deixar a prisão

Segundo o MPF, dos 74 réus da operação no Paraná com condenação em segunda instância, 38 podem ter algum benefício com a mudança de entendimento da Suprema Corte
Foto - Reprodução internet Foto - Reprodução internet

O julgamento do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a prisão após condenação em 2ª instância pode tirar da cadeia 13 presos da Operação Lava Jato, no Paraná, conforme levantamento feito pelo G1/PR. De acordo com o Ministério Público Federal (MPF), dos 74 réus da operação com condenação em segunda instância, 38 podem ser beneficiados com a mudança de entendimento do STF. Entre os condenados que podem deixar a prisão, estão o ex-ministro petista José Dirceu e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, detidos na Superintendência da Polícia Federal (PF), em Curitiba.

O levantamento mostra ainda que outros quatro condenados em segunda instância e que também estão na cadeia permaneceriam presos. Entre eles, o ex-deputado Eduardo Cunha e o ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral. Isso porque eles também estão presos preventivamente em outras ações.

 

Presos da Lava Jato que podem deixar a cadeia:

Alberto Elísio Vilaça Gomes

Enivaldo Quadrado

Fernando Antônio Guimarães Hourneaux de Moura

Gerson Almada

João Augusto Rezende Henriques

José Dirceu

Julio Cesar dos Santos

Luiz Eduardo de Oliveira e Silva

Luiz Inácio Lula da Silva

Márcio de Andrade Bonilho

Pedro Augusto Corte Xavier

Renato Duque

Sérgio Cunha Mendes

 

Texto: Diego Macagnan, com informações do G1/PR

Mais notícias