Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

Leite se reúne com bancadas do PSB, PDT, MDB e PT

Encontros ocorrem a pedido do governador eleito

Depois da maratona de reuniões com bancadas de partidos aliados ontem, o governador eleito, Eduardo Leite (PSDB), voltou à carga na manhã desta quarta-feira na Assembleia Legislativa. A seu pedido, estão sendo realizadas reuniões sucessivas, que ocorrem a intervalos de uma hora, desde as 9h, com as bancadas do PSB, PDT, MDB e PT, respectivamente.

Em todas as reuniões, Leite destaca sua disposição para o diálogo e trata da questão financeira, com atenção a pretensão do novo governo de aprovar a continuidade da majoração das alíquotas do ICMS. Reservadamente, vários parlamentares da oposição começaram a assinalar a "diferença de estilo" em relação ao governo atual.

Novo governo pede informações

Durante a primeira reunião de trabalho na transição entre o atual e o futuro governos, na tarde dessa terça, no Palácio Piratini, um documento foi entregue ao atual secretário da Casa Civil, Cleber Benvegnú, com a primeira leva de pedidos de informação elaborada pelo governador eleito.

O documento foi apresentado em três pastas, nas quais há questionamentos sobre contratos, convênios, concursos e licitações, seus prazos e suas cláusulas, além de uma série de informações relacionadas às finanças estaduais. Hoje, as equipes começam a trabalhar na sede da Procergs.

Entre o almoço com aliados e a reunião de transição, o governador eleito e o parlamentar mais próximo a ele puderam sentir o clima tenso que cerca as votações de reajustes de salários a servidores do Poder Judiciário e da Assembleia.

Além de verem a sessão plenária de ontem ser cancelada, Leite e Redecker foram abordados por representações de servidores para que ouvissem seus argumentos. 

 

Foto: Fabio Diel Born / Divulgação / CP

Mais notícias