Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

HDP: diretoria apresenta realidade financeira do hospital

Números foram revelados em coletiva de imprensa
FOTO - Márcia Sarmento FOTO - Márcia Sarmento

A direção do Hospital Divina Providência (HDP) de FW apresentou na manhã desta sexta, 11, em uma coletiva de imprensa, números que representam a atual situação financeira da casa de saúde. A conversa contou com a participação do presidente Ayres Rizzi; dos integrantes da diretoria, José Luis Haubert e Carlos Alberto Pinheiro e da diretora do HDP, Roselei Fátima Enderle.

Entre os esclarecimentos, a diretoria destacou que, quando assumiu o hospital, o déficit operacional do hospital era R$ 242 mil. Agora, após a implantação de processos e ajustes de gestão, esse valor é de R$ 80 mil. Outros números importantes dizem respeito a dívidas antigas com a RGE, INSS, FGTS, que somam chegam a R$ 160 mil/mês. Em relação ao passivo que ainda não foi renegociado, o HDP tem uma dívida que gira em torno de R$ 4 milhões.

Em contrapartida, os valores que estão sendo recebidos oriundos de emendas parlamentares, como o valor de R$ 3,45 milhões anunciados no início da semana, precisam ser aplicados em um plano diretivo específico, e não podem ser usados para outras finalidades. Deste montante, inclusive, 20% – R$ 690 mil – foram requisitados pelo Estado para custear novos serviços e, obrigatoriamente, serão usados para a realização de exames de diagnóstico, beneficiando a comunidade regional.

Também foi mencionado que a abertura da UTI deve ocorrer nos próximos dias, bem como a construção de um novo sistema de esgotamento sanitário, e a obra da oncologia.

Acompanhe no vídeo todos os detalhes da entrevista.

*Jornal Folha do Noroeste

Vídeo
Mais notícias