Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

Creluz  lança pedra fundamental de 3 novas usinas solares

As obras já estão sendo realizadas
A Creluz já colocou em funcionamento a usina solar de Boa Vista das Missões A Creluz já colocou em funcionamento a usina solar de Boa Vista das Missões

Na manhã desta terça-feira,1, ocorreu o ato de lançamento da Pedra Fundamental de 3 Usinas Solares no município de Ametista do Sul. A direção e técnicos da cooperativa detalharam todo o empreendimento, num investimento de R$ 12 milhões. O evento ocorreu no Belvedere Mina.

O presidente da cooperativa, Elemar Battisti disse que as obras já iniciaram e que boa parte do material já foi adquirido. “Ametista do Sul registra o maior consumo de energia entre os municípios atendidos pela Creluz, especialmente em razão fo funcionamento de garimpos”, disse Elemar.

A inauguração dos complexos deve ocorre neste ano, com previsão na segunda quinzena de dezembro. Battisti informou que a escolha de Ametista do Sul se deu por vários motivos: 1º Pela alta radiação solar que o município apresenta. 2º Pela posição geográfica (lugar alto e bastante seco). 3º Por ser um centro de grandes cargas de energia e o município de maior consumo. 4º Durante o horário comercial que vai das 8h30min às 17h30min ter grande ligação de cargas em extração de Pedras Preciosas, ligação de máquinas que lapidam e serram pedras e grandes fornos que fazem a queima de pedras para a comercialização juntamente com o comércio e indústria onde o Sistema Elétrico quase não suporta a grande concentração de consumo principalmente de segunda-feira à sexta-feira. 5º Pelo fato que a grande concentração do consumo ser diurna no período de boa radiação solar. 6º Pela vantagem de melhorar a corrente e a tensão na distribuição e ainda ofertar geração nova ligadas nas próprias redes da cooperativa melhorando a qualidade da oferta. 7º A Creluz também levou em conta o turismo crescente em Ametista do Sul e o turismo religioso dando o nome do complexo Solar 3 Arcanjos, sendo a Usina Solar São Gabriel, a Usina Solar São Rafael e a Usina Solar São Miguel. 8º Pela possibilidade de ligar uma usina em uma rede alimentadora a chamada de nº 9214 e duas usina na rede alimentadora de nº 124.

As obras estão avançadas em termos de terraplanagem, arruamentos e taludes de grama como também o cercamento e canalização de água, a tubulação de saídas para não alagar o local e redes de transporte de energia já estão concluídas. A parte de colocação de estruturas e placas já começou. As três usinas ficarão localizadas dentro do perímetro urbano do município de Ametista do Sul em áreas valorizadas o que evita o vandalismo, permite mais segurança e assistência técnica. 1ª – Usina São Gabriel fica próxima ao shopping das Pedras, na Avenida Bento Gonçalves. 2ª – Usina São Rafael, próxima a Colgemas Pedras, Rua Tomas Logoski, onde a Creluz tem 2 cabines de medição de energia elétrica. 3ª – Usina São Miguel, Rua Vereador Jorge Luiz Bassi, próximo ao museu das Pedras onde passam muitos turistas pois tem visitação, degustação e venda de vinhos e visita a mina de extração de minerais e futuro restaurante Subterrâneo.

Os investimentos foram aprovados pelo conselho e pela Assembleia Geral da Cooperativa. Todas são dentro da cidade próximas umas das outras já pensando que se no futuro a tecnologia mudar a Creluz ficará com área valorizadas assegurando para o associado segurança de bons negócios. Segundo o Presidente do Grupo Creluz Elemar Battisti, as Usinas não serão financiadas, a Creluz fará com recursos próprios do seu caixa. A energia será suficiente para abastecer 2.000 casas. Ao concluir as 3 usinas solar de Ametista do Sul, a Creluz ficará com 11 usinas, uma usina para cada loja fechada, quando na época a Creluz montou nova estratégia de negócios. O valor total investido ficará em aproximadamente R$ 12.000.000,00(doze milhões de reais), terras, projetos, máquinas, engenharia, subestações, terraplanagem, irrigação e cercamento.

Mais notícias