Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

Concurso premia vinhos coloniais artesanais da região

Trinta amostras de vinhos da variedade americana, 15 brancos e 15 tintos, foram avaliadas. Trinta amostras de vinhos da variedade americana, 15 brancos e 15 tintos, foram avaliadas.

Vinhos coloniais produzidos de forma artesanal de oito municípios das regiões Médio Alto Uruguai e Rio da Várzea disputaram no I Concurso Regional de Vinhos Coloniais Artesanais, que aconteceu ontem (24/10), durante a Feira Regional da Agricultura Familiar, Agroindústria, Artesanato e Biodiversidade, em Frederico Westphalen, na Etnia Italiana.Trinta amostras de vinhos da variedade americana, 15 brancos e 15 tintos, foram avaliadas. Participaram do concurso o município de Planalto, Ronda Alta, Alpestre, Barra Funda, Sarandi, Frederico Westphalen, Novo Barreiro e Rondinha. Todos os vinhos participantes foram vencedores dos concursos realizados nos respectivos municípios este ano. Os vinhos foram julgados por quatro jurados, o engenheiro agrônomo da Emater/RS-Ascar de Sarandi, Jorge Buffon, os enólogos, Nivaldo Potrick e Roberto Bordin, e o técnico em agropecuária da Emater/RS-Ascar, Doraci Bedin.No Concurso Regional de Vinhos Coloniais Artesanais, o primeiro lugar na categoria tinto foi conquistado pelo produtor de Rondinha, Uriel Donasollo, Rondinha. O segundo lugar ficou com Antônio Granoski, de Planalto. Na categoria branco, o produtor de Ametista do Sul, Ivandrio Staziack, de Ametista do sul, ganhou o primeiro lugar e o produtor de Barra Funda, Marcos Tolotti, ficou com o segundo lugar. Ao final das premiações foi servido um jantar tipicamente italiano.A Emater/RS-Ascar presta assistência aos viticultores em toda a região, acompanhando desde a produção, colheita, processamento e comercialização do produto final. “O nosso trabalho é fomentar a cadeia produtiva da uva, incentivando, orientando e auxiliando os produtores que têm na uva uma fonte de renda para suas famílias”, declarou o gerente adjunto do escritório regional da Emater/RS-Ascar de Frederico Westphalen, Mario Coelho da Silva. Para o secretário da Agricultura de Frederico Westphalen o concurso é uma forma de concretizar o trabalho realizado pelos técnicos junto aos agricultores.  Nas fotos, os vencedores das categorias tinto e branco.Jornalista Marcela Buzatto(Nelson Buzatto) 

Mais notícias