Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

Carteira de motorista terá chip a partir de 2019

Os dois modelos serão aceitos já que a substituição será gradual

A resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) que modifica a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) será publicada nesta semana. Dessa vez, a mudança ocorre no formato da carteira: o documento, que hoje é emitido em papel, passa a ser em cartão de plástico e terá um microcontrolador (chip).

Os Estados terão até 1º de janeiro de 2019 para se adequar ao novo modelo. Os motoristas farão a troca de modelo na renovação do documento ou emissão de primeira via. Os dois modelos serão aceitos no primeiro ano de implementação do sistema e a substituição será gradual.

De acordo com o Ministério das Cidades, a adoção de chip na carteira é para oferecer mais segurança à população e possibilitará a integração com outros países. “Buscamos a modernização, inovação como muitos países já adotaram para aumentar a segurança, reduzir a probabilidade de ocorrência de fraudes e aumentar a durabilidade”, explicou o ministro Alexandre Baldy.

Mais notícias