Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

Badesul registra lucro de R$ 24,6 milhões no 1º semestre de 2019, avanço de 42%

Governador Leite com o diretor Kalil Sehbe, secretário Irigaray, presidente Jeanette Lontra e o vice-presidente José Claudio
Felipe Dalla Valle / Palácio Piratini Felipe Dalla Valle / Palácio Piratini

O lucro líquido do Badesul Desenvolvimento S.A. – Agência de Fomento registrou resultado de R$ 24,6 milhões ao final do primeiro semestre de 2019. O valor 42% maior em relação ao mesmo período do ano passado. O resultado da instituição foi apresentado em primeira mão, na tarde desta segunda-feira (19/8), ao governador Eduardo Leite e ao secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Ruy Irigaray, pasta a qual o Badesul está vinculado. O balanço será publicado nesta terça-feira (20/8).

“Esses números consolidam o excelente desempenho do Badesul nos últimos anos, retomando o seu crescimento e demonstrando a sua importância nos mais diversos setores para o desenvolvimento e o progresso de todas as regiões do Rio Grande do Sul”, destacou a presidente do Badesul, Jeanette Lontra.

Juntamente com Jeanette, o vice-presidente José Claudio dos Santos e o diretor financeiro, Kalil Sehbe, foram reconduzidos aos cargos pela gestão de Eduardo Leite, medida já aprovada pelo Banco Central, para os próximos dois anos. “Parabéns pelo trabalho desenvolvido até agora. Sempre acreditei em instituições, a exemplo do Badesul, como um importante instrumento de estímulo à nossa economia. Com esse resultado, temos mais motivos para seguir trabalhando juntos na mesma missão de superar a crise e promover o desenvolvimento do Estado”, afirmou o governador.

Os diretores agradeceram a Leite pela confiança e asseguraram que as decisões à frente do Badesul nos próximos meses estarão focadas na execução operacional das diretrizes estratégicas de governo para o financiamento do desenvolvimento econômico e do turismo no Rio Grande do Sul.

Novos investimentos

No primeiro semestre de 2019, foram aprovadas 88 operações de crédito, no valor total de R$ 179,7 milhões e desembolsados R$ 111,6 milhões tanto para o financiamento de investimentos na economia gaúcha como para a sustentação de investimentos antes apoiados, ao que se soma a integralização de R$ 1,2 milhão em fundos de investimentos em participações. O saldo atual de operações ativas do Badesul é de R$ 2,1 bilhões.

O patrimônio líquido também teve crescimentos sucessivos R$ 660,845 milhões em junho de 2017, R$ 707,386 milhões em junho de 2018 e R$ 733,465 milhões em junho de 2019. Um crescimento de 11% no período.

Veja mais alguns destaques operacionais do Badesul no primeiro semestre de 2019:

·       Dinamização de economias de cidades e regiões. As operações de crédito aprovadas pelo Badesul à realização de investimentos nos primeiros seis meses de 2019 também atenderam ao propósito de apoiar as diferentes regiões. Destaque também às cidades apoiadas mediante a contratação de R$ 73,4 milhões em 2019 (até junho), para a execução de investimentos públicos projetados por prefeituras do RS e ligados à infraestrutura urbana e industrial, à educação, à aquisição de máquinas rodoviárias, à execução de instalações públicas e à modernização da gestão.

·       Alavancagem da infraestrutura estadual. O Badesul desembolsou R$ 66,4 milhões voltados à realização de investimentos em infraestrutura de suporte ao desenvolvimento econômico do Rio Grande do Sul, com destaque para a produção e transmissão de energia e à logística.

·       Pioneirismo no apoio à inovação. Tendo sido o primeiro agente financeiro credenciado pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) para financiar projetos de inovação empresarial na economia gaúcha, o Badesul opera o programa Inovacred, contando com até R$ 80 milhões para essa finalidade.

·       O Badesul também está atuando fortemente através de linhas de financiamento para o desenvolvimento do Turismo no Rio Grande do Sul. Linhas como o Prodetur e o Fungetur.

Clique aqui e acesse o Relatório de Administração do 1° semestre de 2019.

Mais notícias