Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

Segundo Mistério Doloroso: Flagelação de Jesus rezado pelas crianças da catequese de Frederico Westphalen/RS

IGREJA CATEDRAL DE FREDERICO WESTPHALEN/RS
Vídeo

Segundo Mistério Doloroso: Flagelação de Jesus

«Pilatos mandou então flagelar Jesus.Os soldados teceram de espinhos uma coroa e puseram-lha sobre a cabeça e cobriram-no com um manto de púrpura. Aproximavam-se dele e diziam: "Salve, rei dos judeus!".  E davam-lhe bofetadas» (Jo 19,1-3).

Pai Nosso, 10 Ave Marias (meditando o mistério), Glória ao Pai.

Como recitar o Rosário

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. 
Ó Deus, vinde em nosso auxílio.
Senhor, socorrei-nos e salvai-nos.
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre,
Amém
.

Anuncia-se a cada dezena o "mistério", por exemplo, no segundo mistério doloroso: "a flagelação de Jesus".

Depois de uma breve pausa de reflexão, recitam-se: um Pai Nosso, dez Ave Marias e um Glória ao Pai.

A cada dezena da Coroa pode-se acrescentar uma invocação.

No final do Rosário são recitadas as Ladainhas Lauretanas, ou outras orações marianas. 

Pai Nosso, que estais no céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso Reino, seja feita a Vossa Vontade, assim na terra como no céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje, perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tenha ofendido. E não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.

Ave Maria,  cheia de graça, o Senhor é convosco. Bendita sois Vós entre as mulheres, bendito é o fruto de Vosso ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém. 

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo, como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ladainha de Nossa Senhora

Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida, doçura e esperança nossa, salve! A Vós bradamos, os degredados filhos de Eva. A Vós suspiramos, gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois, Advogada nossa, esses Vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e, depois deste desterro, mostrai-nos a Jesus, bendito fruto de Vosso ventre, ó clemente, ó piedosa, ó doce sempre Virgem Maria.
Rogai por nós, santa Mãe de Deus,
Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.
Amém. 

Mais notícias