Ouça Agora

95.9 FM / AM 1160

INTRODUÇÃO AO COMPÊNDIO:

Áudio
Vídeo

Meus amigos  e minhas amigas!

Louvado seja Jesus Cristo,

Que nos Ama!

Começo a Realizar hoje,

Um Desejo que a Tempo,

Venho Acalentando,

E por que não dizer Sonhando.

Quis Deus por sua Infinita Bondade,

Que agora,

Como Diácono cujo Carisma,

É a Proclamação da Palavra de Deus.

Tanto no Evangelho da Missa,

Bem como Proclamar as Principais,

Verdades da nossa Fé.

As Riquezas da nossa Fé.

Verdades que estão Contidas,

No Compêndio do Catecismo,

Da Igreja Católica.

Então é o Desejo,

De fazer um Programa Diário,

Que seja um Momento de Formação,

Uma Conversa Familiar.

Serão apenas cinco Minutinhos,

Somente hoje vou passar do Horário,

Devido a  Apresentação.

Mas que nos Ajudarão a Conhecer,

As Verdades Eternas.

Uma  Reflexão,

A partir dos Ensinamentos de nossa Fé.

Das Riquezas de nossa Fé.

Trata-se do Compêndio,

Do Catecismo da Igreja Católica.

Vamos estudar o Compêndio,

Do Catecismo da Igreja Católica,

O Compêndio que tem 4 Partes,

Como o Catecismo:

A Primeira Parte sobre a Fé,

A Segunda Parte sobre os Sacramentos,

A Terceira Parte sobre a  Moral,

O Comportamento Moral do Cristão,

E a Quarta Parte sobre a Oração Cristã,

O Pai Nosso.

Acho, que Devemos Conhecer os Segredos,

Que Deus nos quer Revelar,

E que estão contidos neste Compêndio.

Não importa,

O que vocês estejam Fazendo.

Não desliguem o Rádio.

Vocês vão se Surpreender,

Com as Riquezas da nossa Fé.

Com tantas Riquezas de Dons,

Que nos Ajudarão,

A  Atingirmos a nossa Meta Definitiva.

Contém este Compêndio Ensinamentos,

Importantes para as Nossas Vidas,

Para nossa Sociedade,

E para nossas Famílias.

Foi um Presente que o saudoso Papa,

João Paulo II,

Nos deixou,            Fruto de um Mutirão.

São Ensinamentos Preciosos,

Uma Pérola Escondida,

Que não  Poderia ficar,

Nas Prateleiras das Bibliotecas,

No Anonimato.

Nada melhor do que Utilizarmos,

O meio de Comunicação da Diocese,

O Complexo,

De Rádios AM e FM da  LUZ E ALEGRIA,

Para levarmos ao Conhecimento,

De todas as Famílias da Diocese,

De Frederico Westphalen.

Das Verdades,

Mais Fundamentais de nossa Fé.

O Programa vai se chamar:

“AS RIQUEZAS DA NOSSA FÉ”.

Para conhecer as “Riquezas da nossa Fé”.

Meta que nós nos Propusemos,

Com Estes Nossos  Programas.

Terá como vinheta característica,

A música: “O Aleluia de Handel”.

Porque os Apóstolos,

Após o Pentecostes,

A vinda do Espírito Santo,

A Começar por São Pedro.

Proclamavam em Alta voz,

Aquele que morreu na Cruz,

Ressuscitou, Cristo Jesus.

E Paulo vai dizer mais tarde:

“ Vã seria nossa Fé,

Se Cristo não tivesse Ressuscitado”.

Quando eu leio o Catecismo,

Eu sempre,

Me Lembro daquelas Palavras,

De Jesus aquela Samaritana:

“Se Conhecêsseis o Dom de Deus”.

Se Conhecêssemos melhor,

A Riqueza desta Igreja,

Os Dons de Deus.

Esta igreja que Jesus Cristo nos Deixou.

Estes Programas vão basear-se,

No COMPÊNDIO DO CATECISMO,

DA IGREJA CATÓLICA.

Que em  1992,

Respondendo a um Apelo do Papa,

João Paulo II.

Fez num Encontro,

E neste Encontro,

Que ele Teve com os Cardeais,

Que estavam Refletindo,

Sobre o Concílio Vaticano II.

Ele havia constituído uma Comissão,

Que depois envolveu os Bispos,

Do Mundo Todo,

Que ajudaram na Revisão deste Catecismo.

E este Catecismo,

É a Base para os demais Catecismos.

Mas aí, já no Começo do Novo Milênio,

Foi pedido pelo Papa de então João Paulo II:

Uma Síntese deste Catecismo,

E ele Constituiu uma Comissão,

Cujo Presidente era o Cardeal Ratzinger,

Que é o  Papa Emérito  Bento XVI.

Fruto deste pedido e deste Trabalho,

Saiu,

O Compêndio do Catecismo da Igreja Católica,

Que tem uma Síntese,

Do Catecismo da Igreja Católica.

Em outras Palavras,

O Compêndio é uma Síntese do Catecismo,

Apresentado através de Perguntas e Repostas.

E este Compêndio não pôde ser Terminado,

E aprovado pelo Papa João Paulo II,

Porque ele veio a falecer.

Mas Curiosamente,

A Apresentação do Compêndio,

Já estava pronta,

E feita pelo Então Cardeal Ratzinger,

Que era o Presidente da Comissão,

Que devia elaborar o Compêndio.

Quando então Bento XVI ficou Papa,

Coube a ele próprio aprovar o Compêndio,

Que ele havia Elaborado:

Que é uma Síntese.

O Compêndio é uma Síntese Vigorosa,

Uma Relíquia,

Uma Luz no Caminho de cada Pessoa,

Todas as Verdades,

Fundamentais de nossa Fé,

Uma Maravilha.

E o próprio Bento XVI,

Na Apresentação,

Deste Compêndio do Catecismo,

Na Aprovação, Na sua Aprovação,

Disse que contém:

As Verdades Fundamentais de nossa fé.

Ele é a Palavra de Deus,

Palavra  Vivida.

Já as Primeiras Comunidades,

Sentiram a Necessidade de um Catecismo

E tinham ,

um Catecismo chamado: DIDAQUÉ,

Que ainda Hoje é muito Conhecido,

Escrito no Tempo dos Apóstolos,

Lá pelo ano de 50-100 da nova era,

Isto é, no primeiro século do Cristianismo.

Ele é muito Simples,

Porém, muito Denso,

Muito Rico.

Então ao longo da História da Igreja,

Sempre se Sentiu esta Necessidade,

De Formular algumas Expressões,

Bem Concisas e bem Sintéticas,

Daquilo que nós Acreditamos.

E assim a Gente Pode agora Responder melhor,

Aquele apelo do Apóstolo Pedro,

Na sua Primeira Carta 15,3

Quando diz: “Sabei dar aos que vos pedirem,

As Razões da Esperança que está em vós”.

Então nós queremos com este Programa,

Ajudá-lo a dar aos que lhe pedirem,

A Razão da sua Esperança.

Para isso, recebam a benção de Deus, Todo-Poderoso:

O Pai, o Filho, o Espírito Santo. Amém.

Fiquem na paz e no amor de Deus!

Mais notícias